Dúvidas e Orientações sobre Nossos Planos de Saúde

Orientações Gerais

Marcação de consulta

As marcações de consultas devem ser realizadas pelo telefone (51) 3584-1020, de segunda a sexta-feira, das 07h às 19h.

Procedimentos para consultas

Agende suas consultas com antecedência e chegue à unidade 15 minutos antes da hora marcada.

Ao ser atendido na recepção, apresente sua carteirinha e um documento de identidade com foto.

Cancelamento de consultas e exames

Procure comparecer a sua consulta ou exame. Se não for possível, cancele sua consulta com até 24 horas de antecedência, através do teleatendimento, telefone (51) 3584-1020.

Lembre-se de que consulta marcada e não cancelada gera cobrança.

Solicitação e realização de exames

Caso o médico solicite a você exames, dirija-se às recepções da unidade para receber as informações necessárias ao encaminhamento/agendamento de seus exames.

Os exames somente serão realizados mediante a apresentação da autorização fornecida pela Multiclínica, carteirinha do convênio e documento com foto. Ao receber o resultado, agende uma nova consulta com seu médico.

Atendimento de urgência e emergência

Nos casos de urgência e emergência, dirija-se a qualquer uma de nossas Unidades Próprias e/ou Credenciadas, como Campo Bom, Novo Hamburgo, São Leopoldo e Porto Alegre.

Poderá haver momentos, em que seja necessário o direcionamento imediato aos hospitais credenciados, listados no manual. Nesses casos, o atendimento será realizado de acordo com as coberturas do seu contrato sem necessidade de autorização prévia.

É de responsabilidade do beneficiário o uso indevido dos hospitais, tanto em caráter particular, quanto para consultas eletivas e/ou casos não caracterizados como urgência/emergência acima descritos, ou serviços que não tenham cobertura contratual.

Internações

Os planos de saúde hospitalares da Multiclínica incluem internações. Consulte seu contrato para conhecer os detalhes de cada cobertura.

Reembolso do transporte conforme RN 259/ANS

A RN 259 da ANS prevê os prazos para atendimento dos beneficiários de plano de saúde, bem como a forma de transporte quando não houver a possibilidade de atendimento na cidade demandada ou limítrofe.

Desta forma, faz-se necessário esclarecer algumas diretrizes criadas de acordo com as exigências da ANS:

  • O atendimento será assegurado na cidade onde o beneficiário demandar ou em cidade limítrofe, desde que ambos façam parte da área geográfica de abrangência e da área de atuação do seu plano.
  • O atendimento, preferencialmente, será realizado na cidade demandada ou na cidade limítrofe a este, neste caso, não haverá reembolso ou pagamento de qualquer despesa com transporte.
  • Nos casos de indisponibilidade de atendimento na cidade demandada ou limítrofe, a Multiclínica agendará a sua consulta na cidade disponível, e você terá direito ao reembolso do transporte público coletivo (ônibus comum) utilizado da sua residência para se dirigir até o local do atendimento (ida e volta), mediante a apresentação do comprovante de residência.
  • Nos casos de inexistência de prestador na cidade demandada, a Multiclínica agendará a sua consulta em cidade limítrofe ou não limítrofe, desde que pertencente a mesma região de saúde. Nestes casos, não haverá reembolso ou pagamento de qualquer despesa com transporte.

Dúvidas Frequentes

O que é preciso para realizar uma consulta?

Apresentar o carteirinha de identificação Multiclínica e documento de identidade com foto. Caso menor de idade, certidão de nascimento ou outro que surta efeitos similares.

Como agendar uma consulta médica?

Através do nosso Teleatendimento (51) 3584-1020 ou pessoalmente nas recepções.

Elogios, sugestões, dúvidas ou reclamações, qual setor devo procurar?

Através de qualquer área atendimento da Multiclínica:

  • Recepções
  • Teleatendimento (51) 3584-1020
  • NAC - Núcleo de Atendimento ao Cliente (51) 3584-1025
  • Ouvidoria (51) 3584-1099

Qual a validade da autorização?

As autorizações têm validade de 15 dias a contar da data registrada.

Qual a validade do pedido médico?

30 dias.

Como funcionam as reconsultas para planos de saúde e particular nas unidades da Multiclínica?

São consideradas continuação do atendimento, quando o paciente vai consultar a mesma especialidade do atendimento anterior e está portando os exames solicitados em sua última consulta realizada dentro dos prazos abaixo:

  • Pacientes de plano de saúde da Multiclínica - 30 dias.
  • Pacientes em caráter particular - 15 dias.

Reconsulta para outros planos de saúde, cartões de desconto e atendimentos por procedimento?

Não tem previsão de reconsulta para estas modalidade de atendimento.

Reconsulta em médico externo?

Através do orientador médico que pode ser obtido:

  • Acessando a Acesso Restrito do site www.multiclinica.com.br e se cadastrando. Com sua senha o orientador médico poderá ser baixado.
  • Também é possível clicando em Mapa Prestadores.

Ainda é possível solicitar cópia do orientador médico via e-mail entrando em contato com o Tele Atendimento (51) 3584-1020.

Onde obter informações sobre as carências e coberturas do meu plano?

Sobre carências e coberturas verifique as informações constantes no contrato junto do contratante do plano ou entre em contato com nossos canais de atendimento.

Qual o período de carência para os planos regulamentados?

A ANS determina que carências começam a vigorar a partir da data de vigência do contrato, com os limites máximos abaixo:

  • 24 horas - Para acidentes pessoais, urgências e emergências.
  • 300 dias - Procedimentos obstétricos.
  • 720 dias - Para Doenças e Lesões Preexistentes.
  • 180 dias - Demais casos.

Porém, a Multiclínica trabalha com carências menores que estas conforme o cliente pode observar em seu contrato.

O que é Medicina interna?

Nos planos que possuem medicina interna, o médico generalista ou o pediatra é quem encaminha, sempre que necessário, o paciente para as especialidades, dando o encaminhamento adequado ao tratamento do mesmo.

Como solicito a segunda via da minha carteirinha?

A 2ª via da carteirinha pode ser solicitada por meio do nosso tele atendimento, pelo telefone (51) 3584-1020.

Quando ocorre o reajuste das mensalidades do plano?

Os planos Pessoa Física (contratado individualmente ou familiar), são reajustados anualmente, ocorrendo na data do aniversário do contrato. O índice de reajuste é publicado anualmente pela Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS). As mensalidades também podem sofrer um reajuste, caso o titular ou um dos seus dependentes mude de faixa etária, de acordo com a tabela constante das condições gerais do contrato.

Caso o titular ou responsável pelo plano solicite alguma alteração no plano como inclusão, exclusão de dependentes, alteração de abrangência ou acomodação, por exemplo, o valor da mensalidade também sofrerá alterações.

Os planos Pessoa Jurídica sofrem reajustes diferentes dos planos de pessoa física, não existe um percentual fixo informado pela Agência Nacional de Saúde. Planos Pessoa Jurídica com 30 vidas ou mais são reajustados de acordo com a sinistralidade do contrato, e livre negociação entre o gestor de contas e o cliente.

Já planos com menos são reajustados de acordo com agrupamentos de cobertura da carteira da operadora, tomando por base sua sinistralidade.

Onde encontro os boletins de inclusão e exclusão de usuários?

Os boletins estão disponíveis no site www.multiclinica.com.br para impressão.

Como devo proceder para incluir dependentes no meu plano de saúde?

Para realizar a inclusão de novos beneficiários e dependentes, o cliente poderá encaminhar à Multiclínica o boletim de inclusão, com assinatura do titular e assinatura e carimbo da empresa, e devidamente preenchido com:

Dados do titular:

  • Nome completo (sem abreviatura)
  • Data de nascimento
  • Cartão Nacional de Saúde (cartão SUS)
  • CPF
  • Carteira de Identidade (RG)
  • Nome da mãe completo (sem abreviatura)
  • Endereço completo
  • Telefone
  • Comprovante de vínculo empregatício (cópia simples da Carteira de Trabalho onde consta os dados do funcionário e a parte onde a empresa está o admitindo OU a ficha de registro assinada pelo funcionário e pela empresa Ou contracheque atual assinado pelo funcionário OU contrato de experiência vigente com carimbo e assinatura da empresa e do funcionário).
  • Dados dos dependentes (caso houver)
  • Nome completo (sem abreviatura)
  • Data de nascimento
  • Cartão Nacional de Saúde (cartão SUS)
  • Nome da mãe completo (sem abreviatura)
  • Comprovante de vínculo com o titular (apresentar cópia simples da Certidão de Nascimento OU Carteira de Identidade (RG), no caso de filhos e/ou cópia simples da Certidão de Casamento ? Registro Civil OU Declaração de União Estável ? Registrado em Cartório).

Ainda destacamos que:

  • No caso de dependentes maiores de 18 anos é obrigatório o CPF.
  • No caso da inclusão somente do dependente também deve conter os dados do titular no Boletim de Inclusão.
  • A declaração de saúde deve ser preenchida por extenso (sim ou não) corretamente pelo titular e, caso houver, também pelo dependente.
  • O boletim de Inclusão não pode conter rasuras em nenhuma hipótese. Ler a Carta de Orientação ao Beneficiário, onde deve ser preenchida com local/data/nome/assinatura legível/CPF ao final desta.

Como deve ser feita a inclusão de recém-nascido no plano de saúde?

O recém-nascido, filho natural ou adotivo do beneficiário ou de seu dependente que já tenha cumprido a carência para atendimentos obstétricos, terá direito às coberturas contratuais durante os 30 primeiros dias após o parto e estará isento de carência quando incluído no contrato até o prazo máximo de 30 dias após seu nascimento ou adoção, mediante manifestação de vontade do beneficiário. Caso o nascimento ocorra quando o usuário ainda se encontrar sob carência para atendimento obstétrico, o direito do recém nascido também observará o prazo restante para o cumprimento da carência.

O que é declaração de saúde?

É o questionário que acompanha os demais documentos de inclusão no Plano de Saúde, onde o beneficiário titular deverá informar as doenças ou lesões preexistentes que saiba ser portador ou sofredor no momento da contratação do plano.

Para o seu preenchimento, o beneficiário tem o direito de ser orientado, gratuitamente, por um médico credenciado pela operadora. Se o beneficiário toma medicamentos regularmente, consulta médicos por problema de saúde do qual conhece o diagnóstico, fez qualquer exame que identificou ou lesão, esteve internado ou submeteu-se a alguma cirurgia, deve declarar essa doença ou lesão.

Como faço para alterar meu endereço de correspondência?

O beneficiário pode solicitar a alteração do seu endereço de correspondência enviando um email nac@muliclínica.com.br solicitando a troca do endereço, com todos os dados do cliente.

Como proceder em casos de urgência?

Buscar uma das Unidades de atendimento da Multiclínica ou um de nossos serviços credenciados.

O que é Urgência e Emergência?

São consideradas urgências e emergências os casos em que o atendimento deve ser imediato, não podendo aguardar o agendamento. Por exemplo:

  • Dor aguda (na cabeça, peito, abdômen, etc);
  • Crises de alergias, falta de ar, pressão alta e queda de pressão;
  • Todo tipo de sangramento (nasal, urinário, digestivo, etc);
  • Vômitos, tonturas e diarréias com desidratação;
  • Intoxicação com bebidas, medicamentos, drogas ou venenos;
  • Casos de acidentes pessoais (ferimentos, acidentes de trânsito, armas, etc)

O que são contratos antigos e contratos novos?

Em junho de 1998, foi publicada a Lei 9.656 - a Lei dos Planos de Saúde. Esta Lei entrou em vigor em 02 de junho de 1999. Todos os contratos de planos de saúde firmados a partir de 2 de janeiro de 1999 enquadrasse na nova legislação. São os chamados Planos Regulamentados. Por sua vez, os contratos firmados até 31 de dezembro de 1998, por não estarem necessariamente enquadrados na Lei 9.656, de 1998 - são chamados, por analogia, de Contratos Antigos.

Como sei se o meu contrato é novo ou antigo?

Regra geral, os contratos de planos de saúde assinados até 31 de dezembro de 1998, ou seja, antes da vigência da lei 9.656/98, são considerados como antigos. Por sua vez, aqueles assinados a partir de 2 de janeiro de 1999, ou seja, já na vigência da Lei 9.656/98, são considerados novos. Portanto, verifique o seu contrato de adesão (ou termos aditivos contratuais, se houver) para saber se é novo ou antigo.

Qual a vantagem dos contratos novos?

Não é possível generalizar, porque os contratos são individuais e diferem uns dos outros. Podemos apontar, em linhas gerais, que os planos novos são obrigados a cobrir alguns procedimentos. Já os planos antigos, não possuíam esta obrigação. Isso não significa que não cubram, depende de cada contrato.

Como obtenho informações sobre valores de planos?

Informações sobre valores de planos de saúde da Multiclínica podem ser consultados através do nosso Comercial pelo telefone (51) 3584-1004.

Quais são os procedimentos cobertos pelo plano regulamentado?

Todo e qualquer procedimento que conste no Rol de Procedimentos da ANS.

Como consultar com nutricionista, psicólogo, fonoaudiólogo e terapeuta ocupacional?

Conforme determinação da RN 167 e RN 211 Agência Nacional de Saúde, para consultar com alguma destas especialidades é necessário ter encaminhamento de um médico e encaminhar a autorização da primeira consulta em uma de nossas Unidades.

Optei por consultar com um médico que não é credenciado da Multiclínica e paguei a consulta. Tenho direito ao reembolso?

Não. A Multiclínica possui médicos internos e serviços credenciados. Caso o beneficiário opte por realizar uma consulta com médico não credenciado, o custo desta consulta é de responsabilidade do mesmo.

Gostaria de realizar Vasectomia/Laqueadura, como faço?

Conforme Rol de Procedimentos e Eventos em Saúde, o beneficiário que possui plano de saúde regulamentado, tem direito conforme enquadramento nas DUT (Diretrizes de Utilização).

O que devo fazer para consultar com um(a) PSICÓLOGO(A), PSIQUIATRA, TERAPEUTA OCUPACIONAL, FONOAUDIÓLOGO(A) ou NUTRICIONISTA?

Conforme Rol de Procedimentos e Eventos em Saúde, o beneficiário que possui plano de saúde regulamentado, tem direito conforme enquadramento nas DUT (Diretrizes de Utilização).

Porque devo apresentar o Cartão Nacional de Saúde (CNS)?

A Agência Nacional de Saúde Suplementar - ANS através da Resolução Normativa n.º 250, estabeleceu que todas as Operadoras de planos de saúde devem enviar o número do CNS de todos os seus clientes/beneficiários à ANS, sejam eles titulares ou dependentes, maiores ou menores de 18 anos, contratantes de planos individuais ou coletivos.

Os clientes que não possuem o CNS podem providenciá-lo, comparecendo ao Posto de Saúde mais próximo de sua residência, munido de documento de identidade, CPF, comprovante de residência e, sem qualquer custo, lhe será entregue o Cartão.

É importante salientar que todo cidadão deve ter o CNS, podendo utilizá-lo em todos os hospitais e Policlínicas do SUS, inclusive, adquirir medicamentos junto às farmácias públicas, mediante receituário do SUS.

Quem pode ser dependente no plano empresarial?

Esposa(o), companheira(o), filhas(os) naturais, adotivos ou enteados até 21 anos, ou até 24 anos se for universitário.

Como faço para obter informações sobre o plano empresarial?

Você pode fazer um contato com nosso Comercial através do telefone (51) 3584-1004.

Qual a Tabela de Exames e Procedimentos Médicos/Odontológicos?(Planos Regulamentados)?

Fui demitido. Posso continuar com meu plano de saúde?

O artigo 30 da Lei nº 9656/98 garante a continuidade dos serviços prestados pelo plano de saúde empresarial de Planos NR.

A rescisão do contrato de trabalho do usuário não pode ter sido por justa causa.

A condição do usuário será mantida pelo período de um terço do tempo de permanência no plano de saúde, sendo assegurado o período mínimo de 6 meses e máximo de 24 meses.

Para ter o direito de permanência o beneficiário titular deve contribuir com o pagamento parcial de sua respectiva taxa mensal, excluindo participações em procedimento e taxas de seus dependentes. O valor a ser pago para a permanência será o valor integral de tabela do plano conforme tabela neste link.

Se a empresa que o trabalhador tinha vínculo cancelar o contrato com o Multiclínica, o Termo de Permanência será automaticamente extinto. O direito de permanência deixará de existir quando o usuário for admitido em novo emprego.

A continuidade será extensiva ao grupo familiar inscrito pelo beneficiário na época da vigência do contrato de trabalho.

O aposentado tem direito ao Termo de Permanência, no entanto o seu cálculo é diferenciado, pois para cada ano contribuído contamos mais um ano de direito. Caso o aposentado tenha 10 anos ou mais de contribuição na mesma empresa, tem o tempo indeterminado, salvo o não cancelamento do contrato da empresa.

Em caso de falecimento do titular do plano, o direito da permanência será assegurado aos dependentes inscritos quando da vigência do contrato de trabalho.

Os critérios são os mesmos para o Termo de Permanência e deverá ser apresentado, junto com a documentação, o atestado de óbito.

Documentos para realizar o Termo de Permanência:

  • Carteira do convênio
  • CPF e RG
  • Comprovante de residência
  • Último contracheque (deve constar demonstração do desconto)
  • RG, CPF ou certidão de nascimento dos dependentes atuais do plano

Você deverá optar pela manutenção da condição de beneficiário no prazo máximo de 30 (trinta) dias, a contar da resposta ao comunicado de empregador, formalizado no ato da comunicação do aviso prévio, a ser cumprido ou indenizado ou ainda, da comunicação da aposentadoria.

Acesse a tabela de Aposentados e Demitidos

Como faço para cancelar meu plano Pessoa Física?

Entregando em qualquer Unidade da Multiclínica pessoalmente a solicitação por escrito.

Posso deixar nas unidades os boletins de inclusões ou exclusões?

Sim, boletim devidamente documentado pode ser entregue em umas das Unidades da Multiclínica ou enviadas via e-mail para cadastro@multiclinica.com.br.

Qual o prazo para cadastro do novo funcionário no plano de saúde, após o envio dos documentos?

Em Novo Hamburgo até 1 dia útil, Campo Bom e São Leopoldo até 2 dias úteis e Porto Alegre até 4 dias úteis.

Alterei meu sobrenome, como faço para receber uma nova carteirinha com os dados corretos?

A nova carteirinha poderá ser solicitada pelo Tele atendimento através do telefone (51) 3584-1020.

Como faço para cancelar o plano de saúde de um funcionário?

Para cancelamentos a solicitação junto aos devidos documentos podem ser entregues em uma das Unidades da Multiclínica ou enviados de forma legível devidamente escaneados com carimbo e assinatura da empresa ao e-mail cadastro@multiclinica.com.br.

Não recebi o boleto. Quem devo contatar?

Poderá ser feito contato com nosso Tele atendimento através do telefone (51) 3584-1020 ou NAC (Núcleo de Atendimento ao Cliente) pelo telefone (51) 3584-1025.

Meu boleto está vencido. Como faço o pagamento?

O pagamento do boleto vencido pode ser efetuado em umas das Unidades da Multiclínica.

Qual o tempo necessário para ser incluído novamente ou cancelar meu plano?

O tempo mínimo para para ser incluído novamente ou efetuar o cancelamento do plano (salvo em caso de demissão) é 1 ano.

Como posso me manter informado das alterações na rede credenciada da Operadora?

No site, clicando em Credenciados, a Multiclínica disponibiliza o mapa com todos os seus credenciados. No Acesso Restrito o usuário pode baixar seu orientador médico para consulta e neste link pode acompanhar todos as alterações que ocorrem na rede.